Folha do Norte MS
Rio Verde MS - Domingo, 17 de Junho de 2018
Folha do Norte MS no Whatsapp
NOTICIAS » ECONOMIA

30/01/2018 «¢s 10h21min - Atualizada em 30/01/2018 «¢s 10h21min

As 100 cidades que mais criaram empregos em 2017

As 100 cidades que mais criaram empregos em 2017

Apesar dos primeiros sinais da recuperação econômica, em 2017, o emprego formal encolheu no Brasil pelo terceiro ano seguido. Segundo dados do Ministério do Trabalho, que tem como base o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o país fechou 20.832 postos de trabalho no ano passado.


Mesmo com a retração, o resultado de 2017 foi melhor do que o registrado em 2016, quando o saldo ficou no vermelho em 1,3 milhão de vagas, e em 2015, quando 1,5 milhão de brasileiros perderam seus empregos.


“Para os padrões do Caged, esta redução em 2017 é equivalente à estabilidade do nível de emprego, confirmando os bons números do mercado na maioria dos meses do ano passado e apontando para um cenário otimista neste ano que está começando”, afirmou em nota o ministro do Trabalho substituto, Helton Yomura.


Nessa toada, algumas cidades aceleraram as contratações. É o caso de Joinville, no Norte de Santa Catarina, que criou 5.588 vagas no acumulado do ano passado, abertas principalmente pelo setor de serviços, e ficou na liderança nacional de geração de empregos em 2017.


A tendência positiva foi acompanhada em Aparecida de Goiânia (GO), que fechou o ano com saldo positivo de 4.342 postos de trabalho com carteira assinada pelo bom desempenho no setor agropecuário.


Já em Bebedouro (SP), que aparece em terceiro lugar no ranking, foram criadas 4.203 vagas, sendo a maioria também abertas pelo setor agropecuário.


Os números do Ministério do Trabalho mostram também que, pelo segundo ano consecutivo, o Rio de Janeiro (RJ) teve o pior desempenho entre as cidades brasileiras. Em 2017, o município perdeu 55.527 empregos.


Considerando os 5.660 municípios do Brasil, veja as 100 cidades que mais criaram vagas no último ano:






























































































































































































































































































































































































































































































































RANKING CIDADE EMPREGOS JAN/DEZ 2017
Joinville (SC) 5.588
Aparecida de Goiânia (GO) 4.342
Bebedouro (SP) 4.203
Goiânia (GO) 3.880
São Luis (MA) 2.636
São José (SC) 2.517
Matão (SP) 2.470
Uberlândia (MG) 2.175
Maraba (PA) 2.147
10º Boa Vista (RR) 2.145
11º São José do Rio Preto (SP) 2.120
12º Pato Branco (PR) 2.119
13º Votuporanga (SP) 2.081
14º Pirassununga (SP) 2.079
15º Colômbia (SP) 1.949
16º Itaquaquecetuba(SP) 1.911
17º Resende (RJ) 1.838
18º Patos de Minas (MG) 1.791
19º Boituva (SP) 1.764
20º Teresina (PI) 1.708
21º Parnaíba (PI) 1.678
22º Rondonópolis (MT) 1.660
23º Mogi das Cruzes (SP) 1.621
24º Gravataí (RS) 1.594
25º Chapecó (SC) 1.589
26º Anápolis (GO) 1.533
27º Aracruz (ES) 1.527
28º Sinop (MT) 1.519
29º Marília (SP) 1.473
30º Rio Verde (GO) 1.472
31º Palotina (PR) 1.435
32º Itajaí (SC) 1.416
33º Juazeiro (BA) 1.405
34º Várzea Grande (MT) 1.403
35º Goianésia (GO) 1.319
36º Araguaína (TO) 1.302
37º Comendador Gomes  (MG) 1.302
38º Mafra (SC) 1.301
39º Rio Claro (SP) 1.295
40º Suzano (SP) 1.289
41º Blumenau (SC) 1.286
42º Luis Antonio (SP) 1.261
43º Santo André (SP) 1.181
44º Monte Azul Paulista (SP) 1.136
45º Ji-Paraná (RO) 1.121
46º São Leopoldo (RS) 1.117
47º Brusque (SC) 1.093
48º Barcarena (PA) 1.092
49º Ponta Grossa (PR) 1.038
50º Santa Maria (RS) 1.020
51º Sapezal (MT) 1.014
52º Itaúna (MG) 1.009
53º Medianeira (PR) 981
54º Mogi-Guaçu (SP) 951
55º Passo Fundo (RS) 932
56º Cuiabá (MT) 929
57º Ribeirão Preto  (SP) 915
58º Sete Lagoas (MG) 896
59º Pirenópolis (GO) 879
60º Lucas do Rio Verde (MT) 872
61º Cascavel (PR) 871
62º Sobral (CE) 870
63º João Monlevade (MG) 867
64º Concórdia (SC) 855
65º Ms-Dourados (MS) 855
66º Caucaia (CE) 850
67º Extrema (MG) 840
68º Valinhos (SP) 830
69º Pouso Alegre (MG) 829
70º Rolândia (PR) 829
71º Santa Cruz do Rio Pardo (SP) 818
72º BCasa Nova (BA) 813
73º Castro (PR) 799
74º Tabatinga (SP) 790
75º Botucatu (SP) 785
76º Itapema (SC) 785
77º Ananindeua (PA) 783
78º Mirassol D Oeste (MT) 761
79º Morada Nova (CE) 760
80º Alfenas (MG) 760
81º Parnamirim (RN) 753
82º São Gonçalo do Amarante (RN) 749
83º São Jose dos Pinhais (PR) 743
84º Jataí (GO) 725
85º Apucarana (PR) 723
86º Varginha (MG) 722
87º Pontal do Paraná (PR) 722
88º São João da Boa Vista  (SP) 718
89º Senador Canedo (GO) 714
90º Primavera do Leste (MT) 713
91º Limeira  (SP) 712
92º São Gonçalo dos Campos (BA) 710
93º Iturama (MG) 707
94º Nova Odessa (SP) 707
95º Horizonte (CE) 706
96º Nossa Senhora do Socorro (SE) 706
97º Maringá (PR) 706
98º Luis Eduardo Magalhães (BA) 696
99º Toledo (PR) 689
100º Uruçuí (PI) 688

 


 


 




 





CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR:

AUTOR/FONTE: Exame

Luiz Carlos Atagiba

(luizatagiba@ibest.co­m.br)

Veja também »

14/05/2018

Caixa lançará um novo jogo lotérico

Caixa lançará um novo jogo lotérico

11/05/2018

Governo propõe salário mínimo de R$ 1.002 para 2019

Governo propõe salário mínimo de R$ 1.002 para 2019

07/02/2018

BC reduz taxa Selic para 6,75% e juro atinge novo piso histórico

BC reduz taxa Selic para 6,75% e juro atinge novo piso histórico

05/02/2018

Brasileiros aceitam salários menores para driblar desemprego

Brasileiros aceitam salários menores para driblar desemprego

30/01/2018

As 100 cidades que mais criaram empregos em 2017

As 100 cidades que mais criaram empregos em 2017

21/01/2018

Embrapa enfrenta sua maior crise em 45 anos

Embrapa enfrenta sua maior crise em 45 anos

© Copyright 2018 - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium