Sexta, 06 de dezembro de 2019
(67) 9-9959-0792
Geral

02/12/2019 às 22h28

27

Redação

Campo Grande / MS

PF fez operação após postagem falar em atentado contra Bolsonaro
O crime investigado tem pena de 3 a 10 anos de reclusão. Segundo a PF, a investigação tramita em segredo de Justiça.
PF fez operação após postagem falar em atentado contra Bolsonaro
Foto Arquivo

A Polícia Federal cumpriu no domingo dois mandados judiciais de busca e apreensão, nas cidades mineiras de Três Corações e Alfenas, expedidos pela Justiça Federal, a fim de apurar suposto crime contra a segurança nacional que poderia ser cometido contra o presidente Jair Bolsonaro, informou a corporação em nota nesta segunda-feira.


A investigação teve início após um homem ser detido, na última sexta-feira, por ter feito menção, em rede social, postando fotos e vídeos de suposto plano que visava a atentar contra Bolsonaro, segundo a PF.


Na ocasião, o presidente estava em visita oficial à Escola de Sargentos das Armas (ESA), de Três Corações, por ocasião de solenidade de formatura do Curso de Sargentos. O suspeito trabalhava como terceirizado na ESA e aparecia em vídeos postados em redes sociais, informou a polícia.


O crime investigado tem pena de 3 a 10 anos de reclusão. Segundo a PF, a investigação tramita em segredo de Justiça.







 





FONTE: Istoe

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium