Quinta, 04 de março de 2021
(67) 9-9959-0792
Saúde

23/01/2021 às 20h27

95

Redação

Campo Grande / MS

Governo negocia compra de novas doses da vacina da AstraZeneca
Após entrega de 2 milhões de doses, ministério e Fiocruz tentam nova remessa
Governo negocia compra de novas doses da vacina da AstraZeneca
Foto Arquivo

A presidente da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), Nísia Trindade Lima, afirmou neste sábado (23) que a entidade, juntamente com o Ministério da Saúde, negocia a compra de novas doses da vacina do laboratório AstraZeneca, feita em parceria com a Universidade de Oxford.


O objetivo é evitar uma paralisação na vacinação com esse imunizante iniciada neste sábado, após o envio pela Índia de 2 milhões de doses que já estão sendo distribuídas pelos estados do Brasil. Trata-se do segundo imunizante contra a covid-19 colocado em uso no país. O primeiro foi a CoronaVac.


A nova negociação ocorre porque a Fiocruz não sabe quando terá o IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo), matéria-prima produzida na China e que permitirá que a vacina seja fabricada no Brasil.


Por contrato, o produto seria entregue em janeiro, mas uma classificação equivocada sobre o risco biológico atrasou o envio. A previsão mais otimista agora é 8 de fevereiro.


A nova quantidade de doses almejada pelo governo brasileiro não foi revelada.


"Estamos trabalhando junto à AstraZeneca com a possibilidade de doses prontas de vacinas até que esse 'gap' possa ser superado. Sempre no objetivo de trazer de forma mais rápida a vacina para a nossa população", afirmou a presidente da Fiocruz.

FONTE: Portal R7

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium