Segunda, 22 de abril de 2019
(67) 9-9959-0792
Campo grande

15/04/2019 às 07h42

15

Redação

Campo Grande / MS

Primeiro trimestre deste ano foi altamente favorável para os trabalhadores do Estado
Ressalta-se que com o crescimento da população há maior elevação da pressão sobre o mercado de trabalho e com a entrada de novos trabalhadores à procura de emprego
Primeiro trimestre deste ano foi altamente favorável para os trabalhadores do Estado
Foto Divulgação

 Estatísticas realizadas pelo Centro de Estudos e Pesquisas da Fundação do Trabalho de MS (Funtrab) indicam que os serviços executados pelas unidades de atendimento do SINE (sob a responsabilidade da Fundação) apresentaram crescimento, no primeiro trimestre de 2019, em comparação ao mesmo período de 2018.


Conforme a Base de Gestão da Intermediação de Mão de Obra (IMO), os serviços que tiveram crescimento significativo referem-se ao atendimento, inscritos, encaminhados, vagas oferecidas e seguro- desemprego, dentro da dinâmica do mercado de emprego formal no país e em consequência do desenvolvimento econômico no Estado do Mato Grosso do Sul.


Ressalta-se que com o crescimento da população há maior elevação da pressão sobre o mercado de trabalho e com a entrada de novos trabalhadores à procura de emprego, aumenta a quantidade de pessoas na força de trabalho, ocasionando uma expansão no número de trabalhadores que são atendidos, inscritos e encaminhados às vagas de emprego e serviços da Funtrab. O aumento da busca pelos serviços se dá também pelo número expressivo de emissão de Carteiras de Trabalho, sendo no primeiro trimestre de 2018, 747 CTPS e 2.246 CTPS no primeiro trimestre deste ano.


Apesar do número de colocados sofrer uma redução no primeiro trimestre de 2019, esse comportamento também é decorrente da dinâmica do mercado de trabalho. Com o aumento do número de trabalhadores disponíveis, as empresas tornam-se mais exigentes em relação ao perfil do profissional, o que dificulta a colocação e aumenta a reprovação nos processos seletivos. Portanto, com o aumento de pessoas na força de trabalho, ocorre uma maior rotatividade da mão de obra o que reflete no aumento de entradas do seguro-desemprego.


Nos números apresentados pelo CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) em MS nos meses de janeiro e fevereiro deste ano, a expectativa é de um aumento na quantidade dos serviços prestados pelas unidades do SINE nos próximos meses.

FONTE: Cláudia Yuri

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium